Antigamente o mais comum era ouvirmos os profissionais de saúde limitarem o consumo de ovos (com gemas) em no máximo 5 a 6 unidades na semana 🥚 Hoje, pelo visto, o ovo é presença certa no café da manhã de todos aqueles que se interessam por alimentação saudável 🍳🙋‍♀ Mas afinal, quais os possíveis impactos que ovos consumidos diariamente podem causar em nosso colesterol? 🤔 Estudos que compararam a ingestão de 1 a 3 ovos inteiros por dia (em relação a outros alimentos substitutos) em diferentes grupos de pessoas chegaram às seguintes conclusões: 🎯 Em geral o HDL (conhecido popularmente como “colesterol bom”) aumentou;
🎯 O LDL (“colesterol ruim”) geralmente manteve-se inalterado, mas em alguns casos aumentou levemente (em torno de 30% das pessoas estudadas manifestaram um leve aumento);
🎯 Embora comer alguns ovos todos os dias possa elevar o colesterol em algumas pessoas, eles aparentemente diminuem a quantidade de partículas de LDL pequenas e densas (aquelas que realmente trazem um perigo maior em relação ao desenvolvimento de doenças cardiovasculares) e aumentam a de partículas de LDL grandes (consideradas inofensivas em matéria de “entupimento de vasos”). Isso minimiza o risco de desenvolver doenças cardíacas.👌 Por tudo isso, o consumo diário de ovos pode ser considerado seguro!🙏 Se você já possui um perfil de colesterol aumentado, basta evitar produtos ultra processados (fontes de gordura trans), açúcar, manteiga, queijos amarelos, óleo de coco e carnes gordas…mas pode manter seus ovinhos no café (feitos cozidos ou mexidos em um fio de azeite de oliva) 😉
P.S. comentei dos laticinios e carnes gordas, assim como do óleo de coco, pois o excesso de gordura saturada também pode elevar o LDL – o EXCESSO e não a simples existência dela na dieta 😉 então, não pira..não precisa excluir, apenas evitar o consumo diário.

Share This